Bem-vindos ao meu mundinho encantado! :)
RSS

sábado, 2 de abril de 2011

Minha sina

A ansiedade e a tristeza fala mais alto e eu corro pra cozinha. Nada mais que uma vontade desenfreada de comer. Mas naum comida normal. Doce, bobagens gordurosas.

Caminho em passos lentos ate a cozinha como se tivesse tivesse medo de chegar la. Logo que chego, abro as portas a procura de um consolo, algo que me faca apenas esquecer por um momento dos problemas que me assolam a cabeca.

Em frente a TV, ouvidos escutando uma musica qualquer, busco na comida o que irrita. Coloco na boca, sem ao menos sentir gosto de nada e como. Como muito.

Quando vejo, aos poucos, meu estomago inchado, naum consigo deixar de pensar que estou engordando em segundos. Inchando como uma maluca e onde vou parar depois.

Sem nem perceber, poucos minutos depois, fecho a porta do banheiro, mesmo sozinha na casa, e a escova de dente me auxilia naquilo que tanto quero. Alias, quero naum, necessito. Pronto, em segundos, devolvo aquilo que tanto comi e lagrimas se misturam ao rosto cansado.

Depois do ritual, paro em frente ao espelho, sentindo cada grama, cada gordura a mais. "Meu queixo duplo parece maior. Que horror essa barriga enorme!Olha essas malditas pernas que naum param de crescer!".

As lagrimas sao a unica coisa que me consola agora. Era delas que eu precisava.

E infelizmente, eh soh assim que elas vem.


Gente, espero que a Viih naum leia isso (Eu te amo, princesa!), mas eu naum tiro ela da cabeca nunca!Soh de imaginar que ela tah fazendo um monte de merda, fico me sentindo uma merda!

Mas, sem nunca tirar esse amor pela Viih de dentro de mim, me apaixonei pela Alice*(Deus queira que ela naum leia isso!). E falo de paixao arrebatadora, daquelas dificeis de esquecer... Daquelas que a gente cria musicas e poesias...

Aah, minha querida Chapeuzinho Vermelho*!Eu to sentindo tanto tua falta, amiga!Como era bom quando eu desabafava contigo e tu me ouvia!E como era bom te ouvir tambem!Que bom saber que ainda le meu blog, mas espero que nada disso esteja te deixando triste =(. E o blog vai sair, eu prometo!

E voce, minha querida Rapunzel*. Tenho certeza que voce ainda le isso tudo. To tao preocupada com voce!Naum deixa a anna/mia te atingir nunca!Tenho tantas amigas assim, naum quero voce tambem!To morrendo de saudade...

E voce, minha pequena Viih, me prometa nunca te esquecer, porque eu te amooo demais e quero te ver bem. Eu ainda te verei o ano que vem!

2 kcal:

Andie disse...

Querida, eu já fiz os mesmos passos até à cozinha. Eu já senti o estomâgo cheio e vazio ao mesmo tempo. Eu já fiz os caminhos tortuosos pelos quais escolhi caminhar. Hoje me encontro bem, thanks LORD.

Comece a fazer as coisas colocando vc em primeiro lugar. Depois vem a Viih ou que vc amar =)

Pelo seu blog dá pra ver o quão sensível e sonhadora vc é. Por que não tentas deixar todo esse sofrimento somente na fantasia? A vida real é muito melhor. Podemos faze-la ser muito mais emocionante. Porque ela é que vale a pena.

=****

Yara disse...

Obrigada pela força, flor.
Estou sempre torcendo pra que suas paixões sempre te façam feliz, e só.
Beijinhos
FORÇA E CONTROLE

Postar um comentário